“Sono de beleza” não é mito, diz estudo

Rosto descansado é classificado em teste como mais saudável e atraente

Um estudo sueco publicado na revista especializada British Medical Journal diz que a ideia de que as pessoas precisam de um “sono de beleza” está correta.

Os pesquisadores do Instituto Karolinska, em Estocolmo, afirmam que pessoas privadas de sono por longos períodos parecem menos atraentes e saudáveis do que as que dormiram bem. A equipe de cientistas escolheu 23 homens e mulheres para serem fotografados depois de oito horas de sono e novamente após ficarem acordados por 31 horas. Em seguida, o grupo pediu a observadores que avaliassem as fotografias.

Foto: Cortesia de John Axelsson, Karolinska Institute

A foto à esquerda mostra o voluntário privado de sono por 31 horas. Na imagem ao lado, ele aparece após dormir por 8 horas.

As imagens obedeceram a um padrão. Todas as pessoas estavam à mesma distância da câmera, nenhuma usava maquiagem e todas tinham a mesma expressão.

Segundo o relatório da pesquisa, os rostos dos voluntários quando estavam privados de sono foram percebidos como menos saudáveis, mais cansados e menos atraentes do que nas fotos após terem dormido oito horas.

Apesar de ser bastante conhecido, os pesquisadores diziam que faltava comprovação científica do conceito de “sono de beleza”. Eles afirmam que os resultados podem ajudar em consultas médicas, permitindo que o médico detecte mais facilmente sinais de doença nos pacientes.

fonte: Portal IG

Tricotando em Nova York

Mania entre as nova-iorquinas descoladas, o tricô virou verdadeira febre e faz a alegria de mulheres de todas as idades.

Seja em casa, no museu, no parque ou até mesmo no restaurante, o tricô está presente no dia-a-dia da “Big Apple”.

Separamos essa matéria especial sobre o tema, que foi assunto da revista Charlot.

Se você é adepta da técnica, separe suas agulhas e comece o quanto antes. Além de super moderno, o hábito é uma verdadeira terapia!

Você conhece o Museu do Perfume?

O Espaço Perfume Arte + História fica no bairro de Perdizes, em São Paulofoto: divugação

Se você é fã de perfume, gosta de história e não resiste a lindos frascos, visitar Espaço Perfume Arte + História, na capital paulista, é um passeio imperdível. A mostra permanente e gratuita registra a história da perfumaria, desde os primórdios em 3.000 a.C. até os dias hoje.

No espaço de 210 m² divididos em sete núcleos, a trajetória deste fantástico mundo é contada em 500 peças históricas. Mais de 100 marcas contribuíram para montar o acervo que, com imagens, cores, sons e informação, estimula mais do que o olfato.

Na primeira parte da exposição, o visitante fica sabendo como os egípcios deram início à perfumaria ao queimar especiarias em cerimônias para que a fumaça agradasse aos deuses. A prática explica a origem latina da palavra perfume: per (através) e fumem (fumaça).

Durante a visitação, também é apresentada a relação dos perfumes com a moda e com momentos e personalidades históricas. Um exemplo é o frasco da célebre Eau de Cologne Royale – Jean Marie Farina, a favorita de Napoleão Bonaparte, que data de 1.500 a.C. Acredita-se que o francês gostava tanto desta fragrância que ela carregava um frasco dela dentro de sua bota.

Quem for não pode deixar de interagir no Scentys, um equipamento importado da França com uma tela de 32 polegadas que exibe um vídeo explicativo sobre as três partes que compõem um perfume e, enquanto o vídeo é exibido, exala fragrâncias. A seção dedicada à história e tecnologia empregada na produção dos vidros de perfumes também é imperdível. Para completar, há um aplicativo multimídia que permite o visitante criar seu próprio vidro de perfume.

Serviço
Horário de funcionamento: terça a sábado, das 10h às 18h, quinta-feira, das 10h às 20h e, domingo, das 12h às 18h.
Endereço: Rua Dr. Emílio Ribas, 110, Perdizes – São Paulo/SP
Tel.: (11) 2361-7728

Fonte: Portal Terra

Vogue Itália fotografa Mulheres Reais

Pela primeira vez, a Vogue Itália traz na capa 3 mulheres de formas arredondadas.

Com o título de ” Belle Vere”, o editorial mostra as modelos Candice Huffine, Tara Lynn and Robyn Lawley em ensaio sensual, para celebrar a diversidade das formas femininas.

A Cia de Moda,  faz moda para a Mulher Real e adorou a iniciativa da Revista Vogue!!!! 

As fotos são de Steven Meisel.

O que o novo jeito de segurar a bolsa pode dizer sobre você

Novo styling de bolsa na Prada, Celine e Louis Vuitton

Na última temporada internacional, um novo”styling” de bolsa chamou atenção nas passarelas. Começou em Milão no desfile da Prada, que grudou clutches e totes nos corpos das modelos, como se elas as estivessem protegendo. Em Paris, na Miu Miu e na Celine, o novo jeito de carregar o acessório também apareceu, assim como na Louis Vuitton, que só não dispensou as alças quando as modelos, com as mãos presas por pulseiras-algemas, seguravam-nas atrás do corpo.

Se você sair por aí abraçando sua bolsa perto do peito ou segurando-a com as duas mãos atrás do corpo, vai mostrar que é fashionista ligado nas últimas tendências. Mas não só isso. O site da Vogue América convidou Lillian Glass, doutora em linguagem corporal, para analisar o que cada maneira de carregar o acessório quer dizer.

Na Prada, as mulheres parecem estar tão ligadas às suas bolsas porque “bolsas não são mais só acessórios, mas parte vitais das nossas vidas! Você a quer perto porque a sua existência está lá dentro, então é como se você estivesse protegendo a sua vida”, explica.

Sobre o desfile da Louis Vuitton, Lillian diz que “segurar a bolsa atrás do corpo pode ser um statement de moda, mas também mostra autoconfiança. Quando você coloca seus braços para trás, diz que não tem nada a esconder”.

Fonte: http://vogue.globo.com

Vai ficar em São Paulo no feriado? Aproveite a cidade !!

Páscoa:

confira 80 programas para o feriado

Aproveite a cidade para visitar exposições, teatros, cinemas e até restaurantes

Fonte: Redação VEJA SÃO PAULO on-line | 19.04.2011

Fim de semana
Fim de semana: filmes, shows, peças e restaurantes

Selecionamos oitenta shows, exposições, peças de teatro, programas infantis, filmes e restaurantes que recebem os paulistanos durante o feriado de Páscoa. Confira abaixo: