SPFW Verão 2013, Dia 2

O desfile da estilista Paula Raia, foi permeada por vestidos longos e decotes que deixavam as costas nuas.

Um mergulho noturno serviu de inspiração para a Ellus, que apostou em peças com aspecto molhado e jaquetas perfecto revisitadas, ora sem as magas, ora com modelo mullet, aquele com a parte traseira um pouco mais comprida.

A estilista Tininha da Fonte, da Movimento, resolveu fazer uma fusão entre o militarismo e o colorido dos trópicos para o verão 2013 de sua grife, o que resultou em formas utilitárias e uma explosão de estampas tropicais.

Paula Raia, Ellus e Movimento.

A água, fonte de inspiração de Valdemar Iódice, apareceu em todos os momentos do desfile de verão 2013 da marca, desde a abertura (com um telão mostrando bolhas num fundo azul), passando pela estampa (que foi criada a partir da ideia de um pingo caindo no nanquim e espalhando a tinta), até o movimento das saias de gazar suíço (esvoaçantes e transparentes).

Finalizando o dia, Ronaldo Fraga emocionou o público com seu retorno à semana de moda após pular a edição de inverno 2012. Como de costume, o estilista foi buscar na cultura brasileira inspiração para suas peças e o Pará foi o escolhido da vez. Como resultado, surgiram peças com pegada de alfaiataria desconstruída e muitas estampas.

Iódice e Ronaldo Fraga

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s